5 Dicas para Empreender no Agronegócio saindo do zero

Empreender no Agronegócio: 5 dicas para o sucesso

Índice

Com oportunidades promissoras para empreender no Agronegócio, profissionais de diferentes segmentos vêm se especializando na área agrícola. Porém, para alcançar o sucesso mais rápido, o segredo é aprender com quem entende do assunto.

Sabemos que empreender, na prática, não é tão simples quanto na teoria. Isto posto, receber alguns conselhos especiais poderá ajudar você a começar no agroempreendedorismo com o pé direito.

Por isso, selecionamos 5 dicas indispensáveis antes de iniciar no Agronegócio!

1- Invista em conhecimento 

Para obter sucesso ao começar a empreender no Agronegócio, investir em conhecimento é essencial. A educação só traz benefícios, e para quem pretende construir uma carreira de destaque, a profissionalização deve ser o primeiro passo nessa jornada.

O Agronegócio é um aglomerado com opções de atuação em diversas áreas. Além disso, o setor Agro é uma das potenciais que movem a engrenagem da economia do Brasil. 

Logo, para aproveitar as oportunidades por meio do empreendedorismo na zona rural, o conhecimento técnico e analítico é fundamental. Com o poder da tecnologia democratizando o acesso à educação, principalmente para aqueles no campo, encontrar cursos e materiais de estudo não é difícil. 

Na nossa plataforma, por exemplo, é possível encontrar uma variedade de cursos online, inclusive a formação em Carreira e Empreendedorismo no Agro

Lembre-se que o segredo do sucesso, seja no Agro ou em qualquer outra área, é não parar de se aperfeiçoar. O conhecimento agrega valor, abre portas e gera oportunidades.

2- Pesquise o mercado

Definir uma área de especialização para empreender no Agronegócio pode ser difícil no começo. São muitas possibilidades e áreas de atuação, e o mercado está sempre mudando.

Nessa perspectiva, fazer a pesquisa de mercado vai ajudar a encontrar oportunidades e  enxergar desafios. É preciso observar os passos do mercado interno e externo, avaliar a exposição de um setor e como as adversidades podem impactar o seu negócio.

Acompanhe seus potenciais concorrentes, procure conhecer diferentes fornecedores e siga atualizado sobre as principais tendências. 

Empreender, no geral, é um desafio constante. Com o Agronegócio não é diferente, principalmente ao começar do zero. Por isso, esteja sempre de olhos abertos ao mercado para se movimentar com estratégia e cautela.

3- Atente-se às novas tecnologias 

“Tecnologia” talvez seja a palavra do século. Drones, softwares para análise de produtividade, sistemas de irrigação automáticos, sensores, entre outros, são recursos indispensáveis para atingir o sucesso. É, as tecnologias agrícolas estão vindo com tudo nessa nova era, permitindo plantios mais produtivos e eficientes.

Ao contrário do que muitos imaginam, essas tecnologias chegam para somar. Utilizando um sensor que mensura as condições ambientais em um determinado espaço, por exemplo, é possível plantar com mais precisão, reduzir gastos e aumentar o nível de produção.

Assim, o empreendedor pode escalar o seu negócio com mais velocidade e lucratividade. O que é bom demais, não é mesmo? 

Outro grande exemplo são os drones, já que esses dispositivos facilitam significativamente o trabalho para que um mapeamento ou uma demarcação sejam realizados. Com um drone, há como fazer imagens aéreas, monitorar áreas, pulverizar plantios e muitas outras ações que exigem força de trabalho humana.

Logo, estar atento às novas tecnologias é indispensável se a ideia for alcançar o sucesso no empreendedorismo com o Agronegócio.

4- Aposte em Sustentabilidade  

Hoje, não há como falar de Agronegócio sem falar em sustentabilidade. Assim, pensando em Economia Verde, o agroempreendedorismo no Brasil vem investindo cada vez mais na adoção de práticas e soluções sustentáveis.

Isso pode ser observado nos resultados de um levantamento da Associação de Promoção dos Orgânicos, que identificou um aumento de 30% no faturamento do mercado de produtos orgânicos no Brasil, na comparação entre 2021 e 2022.

Podemos destacar aqui a evolução da agricultura sustentável e orgânica, que promove um modelo de negócio ambientalmente responsável. Com consumidores mais conscientes a respeito dos impactos ambientais, empresas com práticas ecoeficientes são mais valorizadas.

Optar por energia renovável nas agroindústrias, participar de programas de compensação de crédito de carbono e desenvolver mecanismos de reutilização de água, são apenas algumas atitudes sustentáveis para se adotar ao começar no empreendedorismo no Agronegócio.

5- Escolha uma área 

Quando se fala em empreender no Agronegócio, é comum vir à mente a imagem da plantação de alimentos ou criação de animais. No entanto, o agroempreendedorismo não é só isso!

Confira algumas áreas para empreender no setor agrícola!

  • Atacadista de alimentos ou insumos agrícolas;
  • Indústria agrícola (fabricação de insumos, rações, processamento de bebidas, alimentos naturais, etc.);
  • Projetos de Crédito Rural;
  • Projetos em Agricultura de Precisão;
  • Frigoríficos;
  • Produção leiteira.

São inúmeras possibilidades para começar como empreendedor no Agronegócio. Entretanto, não dá para fazer tudo. O ideal, inicialmente, é escolher um segmento específico. 

Como recomendação, foque em uma área que você tenha mais afinidade e tenha em mente que empreender no campo é questão de aprendizagem constante.
Torne-se um empreendedor de sucesso no Agronegócio com a Agriconline! Acesse nosso catálogo de cursos 100% online e inicie sua capacitação hoje mesmo!

Compartilhe!

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
Share on twitter
Share on linkedin
Daniel Vilar
Daniel Vilar
Engenheiro Agrônomo especialista em Gestão do Agronegócio e Produtor de Conteúdo na AgricOnline